POSTAGEM 49: Moças à margem do Sena; Verão

Olá internauta. Faltam 51 dias para o ENEM e esta é a nossa postagem de número 49. Hoje, como em todas as quintas-feiras, vamos falar de uma obra de outra arte que tem tudo a ver com um dos temas da semana. Escolhi os exercícios abaixo, retirados do livro Literatura Brasileira (William Cereja e Thereza Cochar), Atual Editora. Sempre trabalho os mesmos com os meus alunos. Coloco aqui o gabarito para que você possa estudar o quadro. Algumas perguntas são curtas e óbvias, mas muito interessantes. Vamos lá:

Moças à margem do Sena; Verão (Gustave Coubert)


01-    O título do quadro dá pistas importantes para a sua compreensão. Além disso, observe alguns detalhes da tela, como o buquê de flores que uma das moças tem sobre o corpo, a bolsa com o tom vermelho-vivo, na parte direita superior e a presença de um barco ancorado na margem do rio.

a)    Em que lugar estão as moças retratadas? 
Estão à margem do Rio Sena.

b)    Levante hipóteses: como provavelmente chegaram a esse lugar? 
É possivel que a pé dou de barco (no caso da outra margem).

c)    O que supostamente foram fazer lá? 
Provavelmente foram se refrescar, pois é verão.

d)    O que estavam fazendo antes de se deitarem para descansar? 
Colhendo flores, em virtude da presença de um buquê na mão de uma delas.

02- Na pintura clássica era comum as personagens e as cenas retratadas fazerem parte de uma história conhecida, quase sempre da Mitologia. Na pintura romântica, havia uma inclinação para os painéis grandiosos, dramáticos, cheios de emoção. Tais características se verificam no quadro em estudo? Justifique sua resposta com características das personagens do quadro. 
Não. O quadro retrata uma cena comum, mostrando duas moças que descançam. Essas não são figuras históricas ou mitológicas.

03-
Na pintura romântica, tanto a natureza quanto os seres humanos estão retratados de forma especial, elevada, grandiosa. As personagens, destacadas por sua beleza, ou pela grandiosidade da situação que estão vivendo, dão sempre a sensação de estar posando para o pintor. Observe as personagens do quadro de Courbet e responda:

a)    As duas moças apresentam uma beleza idealizada? 
Não. Formam um conjunto gracioso, mas não chegam a ser bonitas, tanto pelos critérios da época como pelos de hoje.

b)    Na sua opinião, o ambiente natural tem um papel decisivo na significação do quadro ou é um cenário comum? 
É um cenário comum que não possui uma significação destacada no conjunto.

c)    As personagens parecem estar posando para o pintor ou parecem ter sido flagradas num momento de descontração e intimidade? Por que? 
Parecem ter sido flagradas num momento de descontração e intimidade, pois têm as roupas desalinhadas pela posição de descanso em que se encontram e, enquanto uma tem o olhar distante, a outra dorme.


04- Quais dos seguintes sentimentos e sensações é possível depreender do quadro de Courbet? Assinale-os a seguir:
(   )     sentimento místico
(X)     sensualidade
(X)     calor 
(X)     sonolência
(   )     delicadeza
(X)     tédio
(X)     Preguiça
(   )     amor
(   )     alegria

Logo, o quadro parece estar interessado em captar uma dimensão física e material ou uma dimensão interior e espiritual? Uma dimensão física e material.


05- Considere as respostas dadas na questão anterior e conclua: a obra em estudo é mitológica, grandiosa, dramática e idealizada, ou é uma obra que se aproxima do real? 
A obra em estudo é bem próxima ao real.

06- Leia esses dois comentários, um do próprio Coubert e outro de um crítico de arte:

“A pintura é uma arte essencialmente concreta, e não pode consistir se não na apresentação de coisas reais e existentes.” (Gustave Coubet)

“Courbet quer viver a realidade como ela é, nem bela nem feia: para chegar a isso, não tendo outro caminho, desfaz-se de todos os esque-mas, preconceitos, convenções, tendências do gosto. Para tocar a verdade ele elimina a mentira, a ilusão, a fantasia. Tal é o seu realismo, princípio antes moral do que estético.” (Giulio C. Argan)

Confronte-os com o quadro em estudo e responda: a tela Moças à margem do Sena; Verão corresponde os princípios estéticos definidos por Coubert e aos comentários feitos pelo crítico? Justifique. 
A obra ilustra bem os dois comentários. Coubert é considerado o primeiro grande pintor do Realismo, rompendo com a tradição clássica e romântica, ele abriu as portas para a pesquisa em torno da cor e das técnicas de representação, traços que caracterizam o grande grupo de pintores impressionistas e simbolistas.


 
l