Entenda a série “Vitrola cibernética”

Há alguns anos, nas minhas andanças por livrarias, sebos e bancas de revistas, deparei-me com um exemplar especial da Revista Bravo! que tinha um título, no mínimo, instigante: 100 canções essenciais da Música Popular Brasileira. Comprei imediatamente, junto com outros volumes da série, mas na correria do dia-a-dia, acabei apenas dando uma folheada rápida e pensei: ainda vou procurar todas essas músicas na internet. O tempo foi passando, e nada!

No começo de 2011, encontrei com a revista naquelas arrumações de início de ano e decidi: aproveitaria o tempo do ocioso janeiro para baixar, uma a uma, as canções que eu não tivesse em meu computador.

Mas ao procurar as gravações originais (como era minha proposta até então), acabei encontrando regravações bastante diferentes e por isso resolvi, ao invés de montar um CD com 100 músicas, gravar dois, com 200, ou seja, a primeira gravação (ou pelo menos uma que estivesse entre primeiras) e uma releitura (mais conhecida, mais moderna ou mais inusitada que a original). Das 100 canções, apenas de duas eu não encontrei uma nova versão (“Senhor cidadão”, de Tom Zé e “Clara Crocodilo”, de Arrigo Barnabé).

Apesar de não concordar integralmente com a classificação dos críticos da Bravo! (pra variar!), organizei os CDs da melhor forma possível, tentando variar ao máximo os intérpretes das regravações, para fazer desses dois discos uma verdadeira coletânea do que de melhor existe na nossa riquíssima música. Gravei os CDs e aproveitei para presentear alguns bons amigos.

Como modestamente o trabalho ficou muito bom, compartilho agora com os leitores do Literatura éshow! algumas informações (a maioria delas retiradas da própria revista Bravo!) e as duas gravações (ou quantas forem preciso, já que aqui não há limite de espaço) colocadas por mim no CD.

Não posso prometer que por aqui aparecerão os 100 títulos. Vai depender do interesse dos leitores, do meu tempo (sempre tão escasso) e de uma série de outros fatores... Também não vou estabelecer a ordem da revista, até porque, como eu já disse, não concordo com ela. Vou escrevendo e tocando daqui, e você lendo e ouvindo daí.

A lista com todos os títulos está aí embaixo, e vou colocar um link para esse post em todos os outros da série. Caso alguém queira brincar de pedir uma música, escolha um título e o deixe num comentário em qualquer página do blog. Assim, eu a colocarei a  canção para tocar aqui na nossa Vitrola cibernética. Caso os tímidos leitores/ouvintes não se manifestem, a ordem vai ser a que me der na telha.

Abraço a todos...

CANÇÕES JÁ POSTADAS


05. Aquarela do Brasil (Ary Barroso)
Não deixe de comentar e avaliar esta postagem. Precisamos SEMPRE do seu retorno. Desde já agradecemos.


 
l